A Execução Fiscal administrativa no Direito Tributário Comparado é estudo de algumas Formulas de cobrança de créditos fiscais que há no mundo. O esgotamento do modelo de execução fiscal adotado pelo Brasil, que é de 1980, sugere que conheçamos outras experiências. Discute-se hoje a propósito da constitucionalidade, da legalidade, da conveniência e da oportunidade de contarmos com uma lei de execução fiscal que tenha feição mais administrativa e menos judicial. A experiência do direito comparado revela que esse modelo é Possível, factível e que em muitos países alcança resultados expressivos. O livro é de interesse de todos quantos militam na área tributária. Atende a uma demanda de literatura especializada, exigida por cursos de pós-graduação. Interessa a todos quantos têm imaginaçãoinstitucional, e que acreditam que é hora de discutirmos e de mudarmos o modelo de execução fiscal que há, e que se esgotou pela própria seiva.